segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Especulação imobiliária quer destruir Santuário dos Pajés, em Brasília/DF

"O Santuário dos Pajés, comunidade Fulni-o Tapuya, fica localizado em Brasilia- DF, nas proximidades da Asa Norte, área da reserva do Bananal. Neste local, há mais de 40 anos, instalaram-se várias famílias de grupos étnicos, oriundos em sua maioria do estado de Pernambuco e outras etnias do próprio Planalto Central.

Em 2007 em um ato de legalidade duvidosa, o governo do DF vendeu a área para construtoras edificarem um novo bairro classe média alta, o chamado Setor Noroeste, ignorando completamente a reserva e a dignidade das famílias que moram na região;Desde então uma briga judicial, cercada de controvérsias e suspeitas de corrupção vêm se arrastando, sem que seja adequadamente divulgado pela mídia local. Antropólogos, estudantes e sociedade civil organizada, acampam na área atualmente e tentam de todas as formas divulgar o que está acontecendo."

[ André Trindade, via Facebook ]



video

Acima, entrevista sem cortes do professor de antropologia da universidade de Brasília, José Jorge, que aumenta os argumentos para não construção do Setor Noroeste.

Fiquei sabendo do assunto através de amigos, pelo Facebook.
Nem os índios escapam da ganância da especulação imobiliária!
Parte da vegetação de cerrado, nativa da região também foi destruida.


Fique por dentro do assunto:

Blog Santuario dos Pajes
http://santuariodospajes.blogspot.com/


Veja o documentário "Sagrada Terra Especulada", que narra um período de lutas contra o Setor Noroeste, bairro de alto luxo que a especulação imobiliária do Distrito Federal tenta construir a qualquer custo:
http://vimeo.com/28597529


Matéria da Folha de São Paulo:

CMI Brasil:

Diario Liberdade:



.

Nenhum comentário: