quarta-feira, 7 de maio de 2008

Reitor enfia o pé na jaca








A foto da vítima.
Clique na imagem
se quiser vê-la mais
de perto.













Muitas vezes é o CAOS que dá a tônica nas situações
mais diversas das nossas vidas. São as conveniências
de quem detém o poder - seja ele em que nível for - que dão
o tom do que é o certo ou errado, o que é permitido ou o que não é...
Então? Pra que leis, licenças, portarias, pra que tanta burocracia?

Pra que existem "Imóveis de Proteção de Área Verde",
se, quando a reitoria de uma determinada universidade decide
que árvores que habitam o local há mais tempo que a existência
da própria instituição, estão "atrapalhando" a sua expansão física,
e determinam a sua derrubada sem a devida autorização?
Pior: por que uma universidade fundada por um dos pioneiros na defesa
do meio ambiente no nosso estado, que forma biólogos, agrônomos,
engenheiros florestais, botânicos, enfim, uma série de profissionais
que muitas vezes despertam para a consciência ecológica dentro do
próprio campus universitário, justamente esta instituição, é a primeira
a dar MAL EXEMPLO à sociedade?

É, as pessoas esquecem que os vegetais também são seres vivos
e como tal, morrem. Derrubar uma árvore saudável, é abreviar uma vida,
não passa de mais um crime banal.
As árvores nos fazem bem, mesmo que não o saibam.
Então, por que não podemos retribuir e conviver em harmonia com elas?
Por que não se pode desviar de uma árvore que mora há 120 anos no mesmo
lugar só porque aquela área representa algumas salas de aula a mais, que poderiam
ser construídas em semanas ou meses, e que proporcionariam mais espaço,
mais alunos, mais conforto... E pra completar, vai deixar escrita
a "marca do desenvolvimento", assinada por um reitor, na história de
uma universidade. Pequeno, não? Deveras.

Grandes são as árvores!
Grande é a consciência ecológica, o amor e o respeito pela natureza de
um grupo de alunos da UFRPE, que tentou até onde foi possível, impedir
que o fato fosse consumado. Vejam matéria aqui.

Eu tenho a impressão que os seres irracionais parecem saber conviver
melhor com as diferenças do que nós, seres ditos superiores.


.

2 comentários:

me esqueçam disse...

nossa, me diga que não vão mais derrubar!!!

Plante Árvores disse...

Segundo me informei, ela ainda está de pé, mas 'preparada' para a derrubada...